Grupos de fãs de Michael Jackson são processados ​​por insultar sua memória

03.15.2019     /     Autor de notícias: Dima

Grupos de fãs de Michael Jackson são processados ​​por insultar sua memória
© Instagram / Michael Jackson
Robson Wade e James Seyfchuk, que no documentário da HBO acusam Jackson de abuso sexual de crianças, receberam uma ação na França.

Três grupos de fãs de Michael Jackson processaram suas supostas vítimas na França por "manchar sua memória" participando do documentário Leaving Neverland.

O caso será considerado pelo tribunal de Orleans, no norte da França, em julho.

O advogado Emmanuel Ludo, que já havia processado o Dr. Jackson por infligir sofrimento a seu paciente, dando-lhe drogas que o mataram, disse que os grupos "querem desacreditar as alegações de pedofilia" contra Jackson.

Segundo o advogado, as acusações influenciaram a imagem de Jackson, assim como "toda a comunidade de seus fãs".

O lançamento de Neverland foi transmitido pela primeira vez no canal HBO nos Estados Unidos no início deste mês e desde então bateu recordes no Reino Unido.

Share It FIRST: